Get To Know

Em janeiro de 2019 terminaram as faturas em papel!!!

2 Janeiro, 2019

Hello!

É já a partir de janeiro de 2019 que os comerciantes ficam dispensados de dar faturas em papel aos seus clientes. Esta medida irá aplicar-se a empresas que tenham o software de faturação certificado e que transmitam as faturas ao Fisco em tempo real.

Caso o cliente pretenda a fatura em papel ou no seu e-mail terá de solicitar ao comerciante.

Numa era altamente tecnológica é verdade que já é um pouco estranho receber uma fatura em papel. A partir de janeiro de 2019, se efetuar uma compra e não receber a respetiva fatura não considere estranho! Bendita seja a minha carteira que não terá mais que levar com metros e metros de papel dos talões do supermercado. Se eu ainda acho que imensas pessoas têm um medo enorme de dar o NIF nas compras mais banais do dia a dia, então é que acho que irão ser demasiado «medricas» para prescindirem da vulgar fatura em papel. As pessoas ainda são muito de acharem que é melhor guardar ou pedir que gastem o papel pelo facto de acharem que não ganham  nada com isso.

De acordo com o DN, o Governo vai dispensar os comerciantes e os prestadores de serviços da emissão da fatura em papel. O cliente apenas receberá o comprovativo de pagamento se o solicitar expressamente. Caso pretenda fatura, os comerciantes poderão entregar a mesma em papel ou por via eletrónica (por exemplo, no email)… mas terá de a solicitar.

Esta é uma medida que faz parte do Simplex+2018 que foi anunciado em junho. No decreto-lei que regulamenta essa medida, a que o “JN” teve acesso, exige-se o cumprimento de três condições para poder dispensar a emissão da fatura em papel.

A fatura terá de conter o número de contribuinte do comprador. Já o comerciante é obrigado a processar a fatura num programa informático certificado e que garanta a sua transmissão eletrónica “em tempo real” para a Autoridade Tributária.

O Governo pretende ainda avançar com a introdução de códigos QR nas faturas que evitará a necessidade dos contribuintes forneceram o seu número de contribuinte.

A ver vamos se a medida do simplex trará mais e melhores benefícios para o ambiente.

Keep in touch,

E.R.

Artigos relacionados

2 Comentários

  • Comentar maria 3 Janeiro, 2019 at 16:09

    No continente já é possível receber a fatura no e-mail. Eu aderi logo no inicio e foi muito engraçado ver a operadora de caixa à procura do talão que não saía hahaha (elas ainda não tinham tido formação no assunto)

    • Comentar Elsa Rocha 11 Janeiro, 2019 at 13:05

      Também já o fiz e também não correu muito bem à primeira!
      beijinhos

    Deixe um comentário