Get To Know

E os desejos para 2021!?

1 Janeiro, 2021

Hello!

Desde que me lembro que na hora de pedir as minhas resoluções que é uma confusão brutal. Ao sétimo pedido já estou a repetir o que pedi no segundo e por aí adiante. Será caso para pensar que 12 pedidos serão muitos e que na realidade com 4 a 5 ficaríamos felizes e satisfeitos à mesma? Ok, se quisermos ser muito específicos claro que precisaríamos de uma imensidão deles, caso contrário acredito que a coisa ficava resolvida num instante.

A maioria dos meus desejos devem ser muito idênticos aos da maioria das pessoas, com especial ênfase para saúde, trabalho e muita felicidade para todos aqueles que nos rodeiam. Este ano em particular todos devem ter pedido que o COVID vá embora mais rápido pois já nos causou danos que cheguem. E assim esperamos que aconteça, claro!

2020 foi um ano do caraças! Foi muito exigente em termos pessoais, com o confinamento a levar-me ao limite no final de cada dia com o esforço acrescido de estar em teletrabalho e com 3 filhos para cuidar, sendo que 2 deles estavam com aulas on-line e 1 deles com apenas 2 anos. Foi avassalador em termos físicos e psicológicos, com a agravante de ter que viver com medo do vírus entrar aqui em casa e ter que enfrentar aquilo que o desconhecido amedrontava.

Em 2021 só quero que as coisas acalmem, que me tragam a liberdade que me senti privada nestes últimos tempos, que me tragam a tranquilidade que preciso e que me façam encarar cada dia como se não houvessem mais.

E por último, preciso que o Martim acorde bem e rápido e com vontade de fazer tudo aquilo a que tinha direito e que estes dias nos cuidados intensivos lhe roubaram. Acorda p.f.. Dá essa prova de força a ti mesmo e acalenta os corações daqueles que por ti sofrem enquanto aí estás. Se soubesses quantas pessoas estão à espera, ansiosamente, que isso aconteça! Tanta gente que não te conhece mas que sofre por ti. Paulo Fonseca e Amaya Guterres, o nosso coração de pais sofre na mesma imensidão que o vosso. Estamos convosco a toda a hora e só queremos e desejamos que a vossa dor desapareça com a mesma rapidez com que apareceu. E que dor! E que grande tormento vos assola neste momento que qualquer pai, por muito que queira, não deve conseguir dimensionar. Um beijinho nos vossos corações, com a promessa de que vos daremos um longo e apertado abraço quando forem todos para casa.

 

De resto, 2021 pode vir que estamos preparados.

Be happy,

🙂

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Artigos relacionados

2 Comentários

  • Comentar Eugénia Pereira 1 Janeiro, 2021 at 19:23

    Obtigada Elsa. Todos os votos pelo Martim nos fazem agarrar a vida. Estamos desesperados. Ansiosos que Deus não se esqueça de trazer o Martim de volta. É tudo tão doloroso.
    Não queremos perder a fé mas precisamos de um sinal de Deus.
    Bem haja. Feliz Ano.

    • Comentar Elsa Rocha 3 Janeiro, 2021 at 10:21

      Eugénia, nem imaginas a dor que sinto quando sequer imagino o que estareis a sentir.
      Que impotência tão grande e que prova de força se coloca no caminho das pessoas. A fé acima de tudo, acompanhada de uma esperança que se quer manter viva até ao ultimo momento.
      Estou com vocês nesta dor.
      Beijinhos grandes

    Deixe um comentário