Get To Know

Fui enganada pela senhora da limpeza!

25 Setembro, 2017

Hello!

Uma ou duas vezes por semana tenho uma senhora que vai lá a casa arrumar/limpar a casa. A senhora é excelente, limpa muito bem e é rápida nas suas tarefas. Já a conheço há uns anos e desde que tive o segundo filho nunca mais prescindi dos seus trabalhos pois dá-me mesmo imenso jeito. Inicialmente chamava-a sempre que precisava de ajuda mas agora tem dia e horas fixas para ir limpar a casa e assim fico mais descansada para outras tarefas em que sou mais precisa.

Na cozinha, ultima divisão que ela arruma, tenho o meu ecoponto com todos os resíduos devidamente separados e, mesmo ao lado, tenho o balde do lixo comum. Normalmente era eu quem amarrava os sacos e trazia o lixo na mala do carro para o ecocentro. Mas, com a azáfama do dia a dia, comecei a perceber que ela já fazia isso e que eu chegava a casa e já tinha os ecopontos da cozinha vazios. Pensei cá para mim que a funcionária estava a ficar toda ela amiga do ambiente e que já tinha percebido que ali em casa tudo o que se produz de lixo vai para o caminho certo. Aliás, ainda pensei mais, pensei que ela em casa já devia fazer exatamente a mesma coisa e que já havia convencido mais alguém a separar devidamente os seus resíduos.

Eis que, um belo dia, chego a casa mais cedo e ela está a despejar o lixo comum (que tinha espinhas gigantes de bacalhau do jantar da véspera), mesmo dentro do contentor amarelo, fechou o saco, e deixou-o na garagem para o levar quando regressasse a casa. Fiquei com uma dor no estômago que pensei que ia ter a criança ali mesmo. Como pode sujar todos os meus pacotes de leite, os meus plásticos, as minhas latas… enfim, como pode «cagar» todo o meu lixo devidamente separado em dois tempos? Há quanto tempo faz isso? Será que a senhora  pensou estar a fazer bem? Será que pensou que eu não ia ficar a saber? Será que só se preocupou em deixar os contentores vazios? Será que foi só nesse dia que misturou tudo porque estava com pressa?

Desculpem mas nem consigo reportar há quanto tempo isso poderia estar a ser feito. Aliás, é bem melhor nem pensar nisso para a minha sanidade mental.

Por isso, hoje mesmo, antes da senhora da limpeza chegar pela manhã, fiz mais uma tarefa: amarrei os sacos do material separado e coloquei imediatamente na mala do carro para levar ao ecocentro.

E, continuo a repetir o mesmo: Mais vale não saber há quanto tempo ela fazia isso?

E vocês? Deixam essa tarefa para as vossas senhoras da limpeza? E, vou ali e já venho: OH Neeeeeeeelaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!

Keep in touch,

E.R.

 

Artigos relacionados

2 Comentários

  • Comentar Maria 27 Setembro, 2017 at 15:06

    Pergunta inocente: a senhora sabia que tinha de separar os resíduos e cada um iria para um contentor especifico?
    Cá em casa os sacos vão da cozinha para o quintal, onde temos 2 contentores de 50L (acho). Quando estes estão cheios o marido leva para ecoponto ou ecocentro. Isto por duas razões: não tenho ecoponto à porta de casa e os meus baldes da cozinha levam um saco grande, pelo que só o descarto quando está cheio. Se por acaso tenho plásticos mais sujos, estes vão logo para o contentor da rua.

    • Comentar Elsa Rocha 27 Setembro, 2017 at 18:06

      Olá Maria,
      Nunca lhe expliquei pois também não era de facto uma tarefa que lhe tinha atribuído. Como sempre deixei esse encargo para mim, para o poder fazer com os miúdos e ir explicando as coisas, não me fui preocupando com isso. Acredito que ela com o tempo, e ao sentir-se mais à vontade cá por casa quisesse fazer isso mesmo para deixar tudo limpo.
      Com fui vendo os contentores vazios achei que ela os despejasse nos 3 contentores e nunca no contentor comum… aliás, uns estão mesmo ao lado dos outros.
      Mas a coisa espero já estar sanada e essa tarefa voltou para as minhas mãos.
      Beijinhos
      Elsa

    Deixe um comentário