Get To Know

5 dicas ecológicas para tirar ferrugem!

21 Fevereiro, 2017

Hello!

Há uns tempos atrás encontrei o carro de passeio do meu filho João com ferrugem num dos ferros laterais. Como esteve muito tempo no alpendre cá de casa, e depois acabou por ser guardado com alguma humidade, foi o suficiente para a ferrugem se instalar toda contente. O puto já tem quase 3 anos e eu até poderia pensar que o carro já não terá mais qualquer utilidade. Mas, como ainda tenciono dar mais um irmão aos meus dois filhos, achei por bem tentar salvar o carrinho da maldita ferrugem. Aliás, mesmo que não houvesse intenção de alargarmos a família, tenho pavor de estragar o que quer que seja e que poderá, muito bem, fazer ainda alguém feliz e sem terem que gastar dinheiro. Sou adepta ferverosa da reciclagem, e mais ainda da reutilização das coisas.

Adiante. Era preciso arranjar forma de tirar a ferrugem e ponto final. Não queria nenhum frasco com produtos químicos vendidos a litro, e muito menos algo que fosse prejudicial ao meu ambiente «kiduxo». Como tal, toca a pesquisar formas de fazer a coisa com o menos impacto possível.

Vejam as 5 dicas que aqui constam e depois digam, quem é amiga quem é?

1 Bicarbonato de sódio: um dos melhores produtos de limpeza naturais que existe, o bicarbonato de sódio interage com as moléculas orgânicas da ferrugem, fazendo com que esta se dissolva de forma fácil e rápida. A melhor maneira de aplicar o bicarbonato de sódio nas manchas de ferrugem é misturá-lo com água até obter uma pasta consistente; espalhando-a depois sobre a área em questão, deixando atuar durante alguns minutos antes de a retirar com um pouco de água ou um pano húmido. É ver para crer!

2 Bebidas gaseificadas: começando pela Coca-Cola, as bebidas gaseificadas também são extremamente eficazes na remoção da inestética ferrugem. Porquê? Porque este tipo de bebida contém ácidos cítricos que são eficazes na prevenção e eliminação das manchas de ferrugem. Embebeda um pano com um pouco de Coca-Cola ou outra bebida gaseificada e esfregue bem sobre a ferrugem, de forma a retirá-la por completo. Se ficar muito pegajoso, basta lavar o objeto ou área com água e sabão e secar bem no final. Uma dica ecológica, que o planeta agradece!

3 Vinagre branco: para além de ser um produto de limpeza ecológico, o poder do vinagre branco é indiscutível, sendo tão eficaz na eliminação de bolor, como na remoção de marcas de ferrugem. O processo é muito simples: embebede um pano com vinagre e passe-o sobre a mancha de ferrugem; com uma lixa comece a remover a ferrugem. Quanto mais ferrugem existir, provavelmente mais vinagre terá de aplicar. Se não tiver ou não quiser usar a lixa, junte sal ao vinagre, para conseguir o mesmo efeito. No final, passe água fresca na mancha de ferrugem, agora extinta! Para pequenos objetos, mergulhe-os num recipiente com vinagre de um dia para o outro para eliminar qualquer vestígio de ferrugem, lavando e secando por completo o objeto.  

4 Limão: aromático e 100% natural, o sumo de limão pode ser utilizado em todo o tipo de limpezas, incluindo a remoção de ferrugem. O ácido cítrico presente nesta fruta é muito potente na remoção das manchas de ferrugem e basta cortar um limão a meio e esfregá-lo diretamente na área a tratar até conseguir o resultado desejado. Para casos mais complicados, salpique a área ou o objeto enferrujado com sal e limão e deixe repousar de um dia para o outro antes de lavar e secar convenientemente. O seu carro ou as suas panelas ficarão mais brilhantes e este é apenas um pequeno exemplo de como se pode, muito facilmente, viver uma vida mais verde.

5 Batata: pode parecer pouco comum, mas a verdade é que também as batatas são eficazes no combate à ferrugem. Corte uma batata a meio e esfregue-a sobre a área de ferrugem a tratar. Em casos mais difíceis, mergulhe a batata em sal grosso antes de esfregar, para que este possa fazer o papel de lixa. O resultado? Objetos livres de ferrugem de forma ecológica, ou seja, sem o uso de produtos químicos nocivos.

Keep in touch,

E.R.

Artigos relacionados

Sem Comentários

Deixe um comentário