Get To Know

2 formas de poupar ao lavar os dentes!

30 Setembro, 2016

Hello!

Além de todos os gastos que fazemos e que prejudicam o ambiente, claro que me preocupam os gastos que tenho na minha  carteira.

Por isso mesmo, este artigo em questão, vai falar de dois aspectos importantes na lavagem dos dentes, os quais podemos e devemos ter em atenção.

O primeiro, como não podia deixar de ser, tem que ver com o facto de precisarmos de água para escovar os dentes. Tratando-se de um bem/recurso natural muito importante no nosso dia a dia, é deveras importante que o poupemos em todas as nossas ações e hábitos diários. Claro que precisamos de água para lavar os dentes, para lavar a escova e para lavar a pia da casa de banho. Mas não precisamos de água a correr enquanto estamos com a escova dentro da boca a esfregar os dentes.

A titulo de curiosidade ao escovar os dentes duas vezes ao dia com a torneira aberta, por dois minutos, gastaremos quase 300 litros de água em um mês. Se fechar a torneira durante o período em que está a escovar os dentes e usar um copo com água para enxaguar a boca, esse gasto cai para apenas 12 litros num mês.

O outro gasto que falamos tem que ver diretamente com a quantidade de pasta de dentes. Na publicidade das principais marca de dentes normalmente vemos a pessoa a colocar uma linha inteira de creme dental na escova, em toda a extensão das cerdas.

Esta é a quantidade de pasta que deve colocar de cada vez que lava os dentes! Do tamanho de uma ervilha! Custa a acreditar, mas é verdade. Veja a explicação.

pasta-de-dentes

Logicamente, a publicidade é somente para induzir as pessoas a gastarem mais produto do que o necessário. Seja lá como for, não é a quantidade de pasta de dentes que fará que tenhamos uma boa higienização nos dentes; ao contrário, às vezes muita pasta significa “mais espuma na boca da pessoa”. Esta maior quantidade de espuma faz com que a pessoa cuspa logo o excesso, induzindo-a a encerrar logo a escovação. Em outras palavras, o excesso de pasta além de gastar mais inutilmente, atrapalha a boa escovação dos dentes, faz com que gaste mais produto, gaste mais dinheiro em pasta de dentes acabando por prejudicar o ambiente.

Filipe, isto é para ti! Vês como eu tenho razão! 🙂

Olhe por si, olhe pelos seus dentes e pelo ambiente.

Keep in touch,

E.R.

 

 

Artigos relacionados

Sem Comentários

Deixe um comentário